'

Na Câmara Federal, Sâmia Bomfim prioriza debate sobre a Educação

Em uma semana, as audiências públicas realizadas servirão como instrumento para cobrar gestores sobre o aumento de verbas para educação pública, o futuro das universidades brasileiras

4 jun 2021, 15:30
Na Câmara Federal, Sâmia Bomfim prioriza debate sobre a Educação

A deputada federal Sâmia Bomfim (PSOL/SP) priorizou os debates sobre a Educação na Câmara Federal. Duas audiências públicas sobre a temática aconteceram nesta semana e uma outra acontecerá dia 09/06, na terça-feira.

Na terça-feira (01), a Comissão de Educação, por solicitação de Sâmia, convocou o ministro da Economia, Paulo Guedes, para explicar o bloqueio de recursos para a educação. Durante a audiência, o ministro afirmou que vai liberar R$ 1 bi para educação nos próximos dias. Sâmia Bomfim, lembrou que o corte total no orçamento do MEC chegou a R$ 4,5 bilhões e informou que os percentuais do Orçamento aplicados na educação estão em menor patamar do que em anos anteriores. “A área da pesquisa, os hospitais universitários e a área de permanência estudantil são os principais campos atingidos com o corte de orçamento do governo de Bolsonaro”, destacou.

Sexta-feira, 04/05, foi a vez de ouvir a sociedade civil em audiência pública sobre os cortes orçamentários e o futuro das universidades, requerida pela deputada Sâmia Bomfim. O evento contou com a participação da Fabiana Amorim, diretora da UNE e estudante da Universidade Federal Fluminense, Claudio Tanno, consultor da consultoria de orçamento e fiscalização financeira da Câmara dos Deputados, Mariana Lopes, trabalhadora técnico-administrativa da Universidade Federal de Goiás e da Fasubra e Dácio Roberto Matheus, reitor da Universidade Federal do ABC.

O ministro da Educação, Milton Ribeiro, será ouvido em audiência pública na terça-feira (9) e também deverá se explicar sobre a previsão orçamentária para Educação nos próximos meses.

“O orçamento do governo Bolsonaro é o pior desde 2014 e a previsão é a paralisação das atividades no segundo semestre. Vamos cobrar do Milton Ribeiro que recomponha o orçamento da Pasta”, enfatiza Sâmia, autora do requerimento de convocação do ministro.

Além disso, a deputada Sâmia Bomfim está participando das discussões na Comissão de Educação sobre o homeschooling, fere o direito das crianças e adolescentes à convivência social. “O ensino em casa é a pior opção para o aprendizado dos estudantes. Lugar de educação de qualidade é na escola”, disse Sâmia.