Sâmia Bomfim

  • Saúde

ANVISA começa a retirar o MMS de circulação

Agência acata solicitação de Sâmia Bomfim e está removendo da internet anúncios que vendiam a solução como cura para o autismo; mandato segue fiscalizando.

Graças à mobilização das mães dos autistas, a ANVISA começou a retirar da internet anúncios que vendem o MMS, um produto à base de dióxido de cloro, como a cura para o autismo e outras condições/doenças como hipotireoidismo, hemorroidas, hepatite, HIV / AIDS, Alzheimer entre outros.

O dióxido de cloro é usado como produto de limpeza e não tem aprovação para uso medicinal em nenhum lugar do mundo. Aqui no Brasil, ele é proibido desde 2018. Só que, no começo de abril, a deputada Sâmia Bomfim recebeu denúncias de mães de autistas afirmando que o produto continuava sendo vendido livremente na internet.

Sâmia pediu explicações à ANVISA e solicitou que o órgão fiscalizasse a comercialização do produto. A Agência atendeu a solicitação e começou a retirar o produto. “Desde junho de 2018, a Agência proíbe a fabricação, distribuição, comercialização e uso desses produtos.”, informou por meio de nota. Muitos anúncios já foram retirados, mas ainda é possível encontrar alguns itens à venda.

No entanto, a deputada considera a iniciativa positiva. “A medida é muito importante porque é inaceitável que familiares de autistas sejam enganados por charlatões e ainda coloquem a vida de seus parentes em risco. Seguiremos fiscalizando até que todos os produtos saiam de circulação”.

Diga NÃO
à Reforma da Previdência

A reforma da previdência está tramitando na Câmara Federal e só a pressão do povo organizado será capaz de derrotar o projeto. Queremos espalhar essa luta por todo o estado de São Paulo. Assine o abaixo-assinado, abra um comitê doméstico contra a reforma da previdência e junte-se a nós nessa importante batalha em defesa dos direitos do povo brasileiro.

0 assinaturas
0 comitês
0 cidades
Quero participar

Conheça a deputada
Sâmia Bomfim

Sâmia Bomfim tem 29 anos, foi vereadora de São Paulo e, atualmente, é deputada federal pelo PSOL. Elegeu-se com 250 mil votos, sendo a mais votada do partido e a oitava mais votada de todo o estado de São Paulo. Seu mandato jovem e feminista levanta bandeiras que a maioria dos políticos não tem coragem de levantar. Ela é linha de frente no enfrentamento do conservadorismo e na oposição aos desmandos do governo Bolsonaro, defendendo sempre a maioria do povo.

Nossas bandeiras
na Câmara Federal

  • Lutar para ampliar e garantir os direitos das mulheres.
  • Lutar contra a reforma da previdência e a retirada de direitos dos trabalhadores.
  • Defender a educação pública e os professores.

Ler mais