Sâmia Bomfim

  • Meio ambiente

Sâmia Bomfim e Fernanda Melchionna pedem convocação de Salles para explicar declarações dadas na reunião ministerial

Ministro afirmou que era preciso aproveitar a “oportunidade” do Coronavírus para simplificar normas ambientais e ir “passando a boiada”.

As deputadas federais Sâmia Bomfim e Fernanda Melchiona pediram a convocação do Ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, para ele explicar, na Câmara, as declarações dadas durante a reunião ministerial de 22 de abril de 2020, cujo vídeo foi divulgado pelo Supremo.

Leia aqui.

Na ocasião, Salles afirmou que o governo Bolsonaro deveria aproveitar esse momento de pandemia para “ir passando a boiada e mudando todo o regramento e simplificando normas”.

“A declaração do ministro Salles é muito grave. É muito revoltante que um ministro defenda o afrouxamento das proteções ambientais e trabalhe para destruir ainda mais nosso patrimônio ambiental”, afirma Sâmia.

É importante ressaltar que o objetivo central do Ministério do Meio Ambiente, dentro da perspectiva da Constituição Federal de 1988, é atuar para preservar o meio ambiente e a recuperação de áreas e recursos degradados, promovendo a racionalização do uso dos recursos naturais e o respeito à dignidade humana.

Este é o podcast da Sâmia Bomfim, deputada federal pelo PSOL/SP. Aqui conversamos sobre os principais acontecimentos do Brasil e do mundo.

Conheça a deputada
Sâmia Bomfim

Sâmia Bomfim tem 30 anos, foi vereadora de São Paulo e, atualmente, é deputada federal pelo PSOL. Elegeu-se com 250 mil votos, sendo a mais votada do partido e a oitava mais votada de todo o estado de São Paulo. Seu mandato jovem, feminista e antifascista levanta bandeiras que a maioria dos políticos não tem coragem de levantar. Ela é linha de frente no enfrentamento do conservadorismo e na oposição aos desmandos do governo Bolsonaro, defendendo sempre a maioria do povo.

Nossas bandeiras
na Câmara Federal

  • Lutar pelo impeachment de Bolsonaro.
  • Lutar para ampliar e garantir os direitos das mulheres.
  • Defender as vidas, os empregos e os direitos das brasileiras e dos brasileiros diante da pandemia de Covid-19.

Ler mais