Sâmia Bomfim

  • Meio ambiente

Bancada do PSOL reforça pedido para Câmara adiar votação da MP da grilagem

Para Sâmia, governo Bolsonaro quer aproveitar pandemia para atacar o meio ambiente.

A deputada Sâmia Bomfim e a bancada do PSOL são contra a votação da Medida Provisória 910, conhecida como MP da grilagem, na Câmara dos Deputados.

Por isso, os parlamentares assinaram o pedido de não inclusão da pauta, organizado pela Frente Parlamentar Ambientalista. Além de Sâmia e dos deputados do PSOL, o documento reuniu assinaturas de ex-ministros e representantes de organizações da sociedade civil. A carta será enviada ao presidente da Câmara, Rodrigo Maia.

Clique aqui para ler

“A trupe de Bolsonaro quer aproveitar esse momento de pandemia para atacar ainda mais o meio ambiente e a população indígena. Essa medida é absurda porque regulariza a grilagem, ou seja, transforma os invasores de terras indígenas em proprietários legais”, diz Sâmia.

De acordo com a carta, não há condições de votar a medida neste momento, com essa pressa, porque “sem garantia de um debate aberto à sociedade, com participação das principais entidades que atuam no tema, não conseguiremos produzir uma lei que tenha a devida legitimidade”.

Este é o podcast da Sâmia Bomfim, deputada federal pelo PSOL/SP. Aqui conversamos sobre os principais acontecimentos do Brasil e do mundo.

Conheça a deputada
Sâmia Bomfim

Sâmia Bomfim tem 30 anos, foi vereadora de São Paulo e, atualmente, é deputada federal pelo PSOL. Elegeu-se com 250 mil votos, sendo a mais votada do partido e a oitava mais votada de todo o estado de São Paulo. Seu mandato jovem e feminista levanta bandeiras que a maioria dos políticos não tem coragem de levantar. Ela é linha de frente no enfrentamento do conservadorismo e na oposição aos desmandos do governo Bolsonaro, defendendo sempre a maioria do povo.

Nossas bandeiras
na Câmara Federal

  • Lutar para ampliar e garantir os direitos das mulheres.
  • Lutar contra a reforma da previdência e a retirada de direitos dos trabalhadores.
  • Defender a educação pública e os professores.

Ler mais