Gestão Doria em 50 absurdos

A gestão de João Doria (PSDB) na prefeitura de São Paulo chegou ao fim. Agora, o ex-prefeito quer ser governador do Estado. Nós decidimos então mostrar 50 episódios marcantes dessa gestão, assim cada um pode tiras as suas próprias conclusões sobre a breve passagem de Doria à frente do município de São Paulo.

Elencamos  os 50 absurdos abaixo:

1 -  Mandou apagar os grafites da 23 de Maio, maior museu a céu aberto da América Latina

2 -  Se fantasiou de gari, pedreiro, cadeirante, marronzinho, pré-candidato à presidente e às vezes de prefeito

3 - Lançou o projeto Cidade Linda, mas até dezembro de 2017 os índices de zeladoria pública apresentaram queda

4 - Indo contra a tendência mundial, aumentou a velocidade nas marginais, fazendo subir o número de acidentes e mortes

5 - Aumentou o IPTU de pessoas pobres e moradoras de bairros periféricos, sendo que ele mesmo não pagou o proprio IPTU

6 - Não cumpriu a promessa de aumentar os investimentos ao programa de prevenção à enchentes. Diminuiu o investimento em drenagem e obras de contenção de enchentes em 85%

7 - Quer alterar a Lei de Zoneamento para aumentar a especulação imobiliaria

8 - Congelou os investimentos em áreas sociais de saúde, educação, assistência social e cultura

9 - Quer vender o mercadão, o Ibirapuera, o Pacaembu, e Interlagos

11 - Houve um escândalo de corrupção nos contratos de iluminação pública da cidade

12 - Atrasou a convocação dos aprovados nos concursos

13 -  Aumentou do valor das tarifas do transporte público

14 - Aumentou o preço do Bilhete Único Mensal

15 - Reduziu o Passe Livre Escolar

16 - Cortou o Passe Livre para os idosos

17 - Cortou linhas de ônibus essenciais para a população

18 - Redução nos TEGs do transporte escolar

19 - Anunciou a demissão 18 mil cobradores que trabalham nos ônibus da capital

20 - Também acabou com o Programa Leve Leite, que atendia cerca de 700 mil crianças

21 - Fechamento das bibliotecas e brinquedotecas

22 - Fechou salas de aula nas escolas da rede municipal

23 - Inaugurou creches que ainda nem existem

24 - Reprimiu a população em situação de rua e só agravou as condições na região

25 - Acordou morador de rua com jato d’água no dia mais frio do ano

26 - Tentou esconder moradores de rua com a instalação de telas

27 - Fechou a Secretaria Municipal de Políticas para Mulheres

28 - E também a de igualdade racial (a conferir simbolos)

29 - A Secretaria LGBT

30 - Quis dar ração para os pobres comerem

31 - Quis dar ração para crianças comerem na merenda

32 - Acabou com o investimento em programas de fortalecimento para pequenos produtores de alimentos

33 - Reduziu em 92% o investimento em programas de educação alimentar

34 - Paralisou a construção de diversas obras, como por exemplo a dos hospitais na Brasilândia e Parelheiros

35 - Reduziu o horário de atendimento de equipamentos públicos de saúde

36 - Anunciou o fechamento das AMAs

37 - Distribuiu remédios próximos ao vencimento para favorecer empresas

38 - Fechou diversos postos de saúde

39 - Acabou com programas de cultura nas periferias

40 - Seu Secretário de Cultura tem acusações de assédio e agressão

41 - Queria acabar com o Carnaval de rua da cidade

42 - Gastou uma cifra recorde apenas em publicidade pessoal

43 - Tem como padrinho político Geraldo Alckmin.

44 - Tentou confiscar o salário dos servidores em até 20% (SAMPAPREV). E pretendia alocar esta receita em um fundo de investimento

45 - Mas perdeu para a greve e mobilização dos servidores (Mais uma derrota né pessoal!)

46 - 23 viagens: 47 dias fora da cidade somente no primeiro semestre de gestão

47 - Reprimiu violentamente os servidores

48 - Quis passar por cima da Lei de Acesso à Informação

49 - Se diz gestor e não político, mas suas práticas reproduzem o que há de pior da velha política

50 - João Dória tem record de processos judiciais contra ele, já somam em seu nome 16 processos em menos de 15 meses. Sendo 8 inquéritos civís por improbidade administrativa junto ao MP.

Outras notícias